Conjunto Penal de Lauro de Freitas alcança o 1°LUGAR concurso de Redação da DPU

Atividades Ressocializadoras

Através do seus internos o Conjunto Penal de Lauro de Freitas alcançou o 1°LUGAR na “Categoria Redação IV: alunos do 6° ao 9° ano do Ensino Fundamental e do 1° ao 3° ano do EJA – Educação de Jovens e Adultos, em situação de privação de liberdade no Sistema Prisional brasileiro”. O resultado do 3º Concurso de Redação foi divulgado pela Defensoria Pública da União (DPU), na tarde desta sexta-feira (17). Com o tema “Mais Direitos, Menos Grades”, a ação teve 6.607 redações inscritas, sendo 5.044 de estudantes internos do sistema prisional.

O reeducando E.M.F, aluno das aulas preparatórias para o ENEM promovidas no Conjunto Penal, teve o seu potencial para a produção textual observado através do olhar técnico e ressocializador da professora Susana Oliveira Dantas, responsável por motivar e capacitar o aluno para participar do concurso.

Os classificados em primeiro lugar em todas as categorias receberão um tablet e a professora da Empresa Socializa, que faz a administração do presídio em regime de cogestão com o Governo do Estado, receberá um certificado de mérito.

O diretor da unidade Archimedes Benicio, disse que o resultado obtido reflete o papel ressocializador da educação para a sociedade. “O êxito alcançado neste concurso é emblemático não só para o reeducando mas para toda equipe do Conjunto Penal de Lauro de Freitas porque nos mostra que a educação oferecida às pessoas privadas de liberdade tem a mesma qualidade da que é ofertada aos demais alunos. O que é um grande orgulho para a secretaria", comentou.